Sites Grátis no Comunidades.net Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese



ONLINE
1




Partilhe este Site...

 

Verbo Encarnado, Amor Personificado

Deus viu a humanidade em seu estado de pecado,

Eternamente em miséria e condenado,

Embora o homem se rebelasse contra Deus,

Soberanamente por amor, Ele resgataria os Seus.

===//===

E pelo fato de tanto tê-los amado,

O Verbo que se fez carne foi espancado, zombado, torturado,

Humilhado, ignorado, rejeitado, açoitado,

E sem abrir a boca, ainda por amor, morreu crucificado.

===//===

Seria ele então na morte abandonado?

De modo algum seu plano redentor havia sido frustrado,

Pois ao terceiro dia, ele foi ressuscitado!

===//===

Quem confia nisso será, inocentado,

Porque o resgate por sua vida certamente já foi pago,

===//===

E então daremos graças por Ele ter nos resgatado,

E por Ele viveremos, estando sempre ao Seu lado!

 

Porque é tão difícil confiar naquele que morreu em seu lugar?

Alguém que você conhece morreria por você, HOJE, como Jesus morreu?



15 Promessas de Maria a Quem Reza o Terço
15 Promessas de Maria a Quem Reza o Terço

Olá caro leitor!

No presente artigo você encontrará a refutação das 15 promessas de Maria aos católicos que rezam o terço (rosário).

Eu gostaria, antes de mais nada, chamar sua atenção para o fato de que a fonte de onde essas "promessas" foram extraídas contém o IMPRIMATUR, ou seja, o selo de autorização concido pelo Vaticano às publicações que contém, segundo a ICR, doutrinas e ensinamentos corretos e condizentes com a fé católica.

"
Imprimatur é uma declaração oficial da Igreja Católica, que diz que um trabalho literário ou similar não vai contra as idéias da igreja e que é uma boa leitura para qualquer católico. Em latim, imprimatur significa "deixem-no ser impresso"

Antes do Imprimatur, que é dado por um bispo[1], passa-se pelo censor da diocese, que dá o Nihil obstat (nada contra), e, se o autor do livro for membro de uma Ordem, o Superior dá[2], antes do censor, o Imprimi potest (pode ser impresso). Sendo, pois, esta a sequência: Imprimi Potest, Nihil Obstat e, então, o Imprimatur.

Tais autorizações aparecem normalmente da seguinte forma:

 IMPRIMATUR 
NIHIL OBSTAT IMPRIMI POTEST

Referências:

A fonte de onde as "promessas" contidas neste artigo é, segundo São Domingos e Alan de la Roche, a própria Virgem Maria, que deu essas promessas a eles por "revelação". O Imprimatur foi dado por Patrick J. Hayes DD Arcebispo de Nova York.

Além do mais, os argumentos católicos a favor dessas 15 "promessas" forma extraídas do site abaixo, im inglês:

http://www.ourladyswarriors.org/prayer/15promise.htm

Sendo assim, vemos que tais "promessas" são confirmadas e aprovadas pela ICR porque possuem o Imprimatur.

Mas, como é que se reza o terço?

Meu interesse aqui não é o de ensinar ninguém a rezar o terço, mas, resumidademente...

No total, são 53 AVE-MARIAS, 6 PAI-NOSSOS, 1 SALVE RAINHA (oração final), entre outras coisas.

Rezando 4 Terços, reza-se 1 Rosário no total.

Quanta repetição hein??

Sem mais delongas, vamos ao que interessa.

Abaixo, os argumentos católicos aparecem em azul, a refutação em branco, e os versículos bíblicos em verde.

Que Deus nos conceda sabedoria!

As Quinze Promessas de Maria aos cristãos que recitam o Rosário

Primeiramente, no site mencionado acima, é feita a seguinte afirmação: "O rosário é a reza não litúrgica com a maior quantidade de documentos magisteriais e papais publicada, expondo sua excelência".

Só porque se escreveu muito a respeito de algo isso significa que esse algo seja de "excelência"? Se tivermos 1 milhão de livros dizendo que Jesus não existiu isso será um indicador de que esse fato é verdadeiro??

Vejamos a "excelência" disso quando comparado com as VERDADES contidas nas Escrituras.

I. Qualquer pessoa que me servir fielmente pela recitação do Rosário, receberá sinais de graça.

St. Louis de Montfort afirma enfaticamente que o melhor e mais rápido jeito de se estar em união com o Senhor é através de Nossa Senhora (Verdadeira Devoção a Maria, Capítulo IV).


Bom, só pela primeira promessa já começamos a perceber que as coisas aqui não cheiram bem. Ali diz "quem me servir receberá sinais de graça". Maria nunca, jamais, concedeu graça a quem quer que seja da maneira como o Pai faz. Pelo contrário, ela foi também alvo da graça de Deus.

"E, entrando o anjo aonde ela estava, disse: Salve, agraciada; o Senhor é contigo; bendita és tu entre as mulheres." (Lucas 1.28)

O anjo chamou Maria de "agraciada" e não de "cheia de graça" como os católicos defendem, que ela é "fonte de graça" proveniente dela mesma. No grego, a palavra usada aqui é
κεχαριτωμενη (kecharitomené), que significa "favorecida"!

Fontes: http://biblos.com/luke/1-28.htm e http://biblesuite.com/greek/kecharito_mene__5487.htm

Em toda a Bíblia só existiram duas pessoas descritas como "cheias de graça": Jesus e Estêvão.

Sobre Jesus, é dito:

" E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade." (João 1.14)

http://biblos.com/john/1-14.htm

As palavras gregas aqui são
πληρης χαριτος (pleres charitos). Pleres significa "cheio", "pleno". Charitos vem de charis, que significa "graça", "favor imerecido".

Pleres: http://biblesuite.com/greek/4134.htm
Charis:
http://biblesuite.com/greek/5485.htm

A outra pessoa que foi "cheia de graça" foi Estêvão (Atos 6.8).

Ele não era "cheio de graça" como Jesus, que era fonte de graça, mas sim como alguém que recebeu plenamente a graça de Deus que o capacitava.

Jesus é a fonte de graça, por ser Deus.

Estêvão era receptor da graça, por ser pecador.

Se em Lucas 1.28 Maria estivesse "cheia de graça" no texto original, poderíamos de fato dizer que ela havia recebido plenamente a graça capacitativa de Deus. Porém, vemos que ela havia sido apenas "agraciada" com o favor imerecido de carregar em seu ventre aquele que viria a se tornar o nosso redentor.

Porém, os católicos, além de traduzir a palavra "agraciada", ou seja, alvo do favor imerecido de Deus, como sendo "cheia de graça", também afirmam que ela é "fonte de graça" (essa idéia de que Maria é fonte de graça é facilmente comprovada pela primeira promessa do rosário), ainda que no sentido de MEDIADORA (falaremos disso na próxima promessa).

Ela pode até não ser a fonte absoluta de quem a graça flui, mas, segundo os católicos, é a ponte que dá acesso a essa fonte. Sem passar pela ponte (Maria), não podemos alcançar a fonte (Deus). O engraçado é que não atravessamos a ponte e nos achegamos a Deus no catolicismo de modo a receber dEle mesmo a graça. Os católicos se achegam a Maria, pedem a ela, ela pede a Deus, Deus dá a ela, e ela entrega isso ao católico.

Legal não?

Vemos portanto que Maria é considerada, pelos católicos, como portadora de atributos que pertencem somente a Deus. Senão portadora, ela é co-portadora.

II.
Eu prometo minha proteção especial e as maiores graças a todos aqueles que recitarem o rosário.

Nossa Senhora é nossa ADVOGADA e o canal de toda a graça de Deus para nós.


Lemos em 1 João 2.1-2:

"Meus filhinhos, estas coisas vos escrevo, para que näo pequeis; e, se alguém pecar, temos um Advogado [PARAKLETON] junto do Pai, Jesus Cristo, o justo. E ele é a propiciaçäo pelos nossos pecados, e näo somente pelos nossos, mas também pelos de todo o mundo."

Jesus é nosso ADVOGADO. No grego, parakleton, significa "ajudador", "consolador". Nas Escrituras, essa palavra só é usada para se referir a Jesus, e ao Espírito Santo.

Fontes: http://biblos.com/1_john/2-1.htm e http://biblesuite.com/greek/parakle_ton_3875.htm

"E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador [PARAKLETON], para que fique convosco para sempre. Mas aquele Consolador [PARAKLETON], o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito.." (João 14.16, 26)

Essa palavra aparece 5 vezes em toda a Bíblia:

João 14.16, 26; 15.26; 16.7 para se referir ao Espírito Santo, como Consolador;

1 João 2.1, para se referir a Jesus, como Advogado, Intercessor.

Mais uma vez vemos que os católicos atribuem a Maria outra função que cabe somente à Jesus, e ao Espírito Santo, Seu próprio Espírito. Se o Espírito de Jesus, que é o Espírito Santo, vive dentro de nós, logo, é ele quem intercede por nós junto ao Pai. Somente Ele.

"Vós, porém, näo estais na carne, mas no Espírito, se é que o Espírito de Deus habita em vós. Mas, se alguém näo tem o Espírito de Cristo, esse tal näo é dele... E da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque näo sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis.  E aquele que examina os coraçöes sabe qual é a intençäo do Espírito; e é ele que segundo Deus intercede pelos santos." (Romanos 8.9, 26-27)

Sendo assim, a função de intercessor e advogado pertencem SOMENTE a Jesus e a seu próprio Espírito, que habita nos verdadeiros Cristãos, que não necessitam de mediadores humanos para serem ouvidos e atendidos pelo Pai.

III. O Rosário será uma arma poderosa contra o inferno, destruirá o vício, diminuirá o pecado, e derrotará as heresias.

Se os modernistas pudessem ser convencidos a rezar o terço! "Porque que Maria esmagou SOZINHA todas as heresias, como somos ensinados pela Igreja sob a direção do Espírito Santo (Ofício da Abençoada Virgem Maria" -
St. Louis de Montfort; Verdadeira Devoção a Maria, página 167).

Meus caros leitores, como eu disse acima, os católicos atribuem o ofício de intercessora, que cabe somente ao Espírito Santo, a Maria. Isso fica muito claro nessa afirmação de St. Louis de Montfort. Além do mais, onde foi que Maria esmagou "SOZINHA" todas as heresias? 

O que eu vejo claramente é que essa é mais uma heresia, e das grandes!

IV. Ele fará com que boas obras floresçam; obterá para as almas a grande misericórdia de Deus; irá retirar do coração dos homens o amor pelo mundo e suas vaidades, e vai levá-los ao desejo das coisas eternas. Oh, que as almas se santifiquem por este meio.

O rosário fará tudo isso?? Que amuleto poderoso, não?

Novamente, vemos
que é atribuído ao rosário o poder de transformar a vida de quem o recita, mediante a intercessão de Maria. Porém, novamente, todas essas capacitações citadas acima "provenientes" da reza do terço, biblicamente nada mais são do que o fruto que o próprio Espírito Santo gera em nossas vidas, através de Cristo.

"Cheios dos frutos de justiça, que vem por meio de Jesus Cristo, para glória e louvor de Deus." (Fp 1.11)

"O fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidäo, temperança." (Gl 5.23)


Esses frutos vêm a todos que tão somente confiam no Senhor e em cujos corações o Espírito Santo já habite. Não precisamos de rituais nem de objetos "sagrados" nem de amuletos para que Deus nos abençoe!

V. A alma que recomenda-se a mim com a recitação do rosário, não perecerá.

Já que Nossa Senhora é nossa Mãe e nossa Advogada, ela sempre auxilia aqueles que a buscam através do rosário.

Dentre todas as promessas, essa é a maior blasfêmia que poderia existir. Ali é dito claramente que Maria SALVA quem se recomenda a ela. Por mais que os católicos afirmem que ela não salva, ma sim sua intercessão, nada justifica buscá-la para que se obtenha salvação. Além do mais, a promessa está bem clara: "Quem se recomnda A MIM, não perecerá".

Você, que sinceramente quer conhecer a Deus, preste atenção nessa sequência de versículos.

"Eu, eu sou o SENHOR, e fora de mim näo há Salvador." (Isaías 43.11)

"[Jesus Cristo] E em nenhum outro há salvaçäo, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos." (Atos 4.12)

"Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem." (1 Timóteo 2.5)

"Portanto, [Jesus Cristo] pode também salvar perfeitamente os que por ele se chegam a Deus, vivendo sempre para interceder por eles." (Hebreus 7.25)


Dispensa comentários!

VI. Quem recitar devotamente o Rosário, aplicando-se à consideração de seus mistérios sagrados nunca devem será conquistado pelo infortúnio. Deus não vai castigá-lo em sua justiça, ele não morrerá por uma morte não provida; se ele for justo ele permanecerá na graça de Deus, e se tornará digno da vida eterna.

Além das outras coisas absurdas prometidas por quem confia nesse amuleto, é dito que o homem se tornará "digno da vida eterna".

Desde quando a "vida eterna", que é o "DOM GRATUITO" de Deus (Romanos 6.23) pode ser "merecido"? Desde quando o homem, morto em seus delitos e pecados e merecedor da ira de Deus por natureza (Ef 5.1-5) pode se tornar digno da vida eterna?

Esse é o modelo de salvação na ICR. Um sistema meritocrata, onde o homem tem verdadeiro mérito perante Deus, porque colocou em prática a capacitação que Deus deu a ele. Se isso não é salvação pelas obras, eu não sei mais o que é.

Deus não se contradiria, dizendo a salvação jamais é pelas obras, e depois exigiria obediência do homem por Sua própria capacitação para que ele fosse salvo.

"Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto näo vem de vós, é dom de Deus. Näo vem das obras, para que ninguém se glorie; porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas." (Efésios 2.8-10)

"Näo pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou pela lavagem da regeneraçäo e da renovaçäo do Espírito Santo." (Tito 3.5)

"Mas se é por graça, já näo é pelas obras; de outra maneira, a graça já näo é graça. Se, porém, é pelas obras, já näo é mais graça; de outra maneira a obra já näo é obra." (Romanos 11.6)


Onde está o mérito do homem na salvação?? 

VII. Quem tiver uma verdadeira devoção ao Rosário não morrerá sem os sacramentos da Igreja.

Bom, quanto a isso, se eu fosse comentar teria que escrever páginas e mais páginas sobre os sacramentos. Isso será feito em um outro artigo.

VIII. Aqueles que são fiéis ao rezar o rosário, terão durante sua vida e na sua morte a luz de Deus e a plenitude das suas graças; e no momento da morte, eles participarão dos méritos dos santos no paraíso.

Como assim participaremos dos "méritos dos santos" no paraíso? Mais uma vez, vai ficando bem clara a idéia meritocrata da salvação na ICR. Só vai para o paraíso quem tem méritos suficientes para isso. Quem não tem méritos suficientes, vai ter que fazer uma paradinha no purgatório pra queimar um pouquinho.

IX. Livrarei do purgatório aqueles que têm se dedicado ao rosário.

Sério? Então isso significa que rezar o rosário "purifica" a pessoa, assim como o fogo do purgatório?? Então, se ele "purifica", logo, o rosário tem poder para "perdoar pecados" também não?

Porque Jesus derramou seu sangue então se um amuleto e a intercessão de Maria pode perdoar pecados?

Quanta blasfêmia! Confiar num amuleto e numa pessoa a quem atribuem um ofício que cabe somente a Jesus!

X. Os filhos fiéis do Rosário gozarão de um alto grau de glória no céu.

Mais uma vez, vemos que quanto mais a pessoa depende do rosário e é fiel a ele, mais glória ela terá no céu.

Quando nós, cristãos, nos encontrarmos no céu, diremos "estou aqui tão somente pelo que Jesus fez por mim, não pelo que eu mesmo fiz, porque não tinha nada em mim que me tornasse digno e merecedor de estar aqui."

Porém, os católicos diriam, caso pudessem ir pra lá com essa teologia errada: "Estou aqui por que Deus abriu a porta do céu pra mim, mas fui eu quem me esforcei pra chegar até aqui. O mérito é dele, mas também é meu. Vim direto pra cá, sem passar pelo purgatório, diferentemente dos que não obedeceram como eu. Ah se eles tivessem seguido o MEU exemplo!".

XI. Você obterá tudo o que você pedir com a recitação do rosário.

Será que o rosário é uma nova "lâmpada mágica"??

Obterei tudo? Tudo mesmo? E se eu pedir que Jesus volte hoje mesmo? E se eu pedir que Deus me leve pro céu, junto com todas as pessoas, independente de elas serem verdadeiros filhos dEle ou não?

Vemos aqui que o "obter tudo o que pedir" não é bem assim. Esse é mais um engano criado pela ICR para fazer com que as pessoas desviem seus olhos dAquele a quem de fato deveriam orar e recorrer como auxílio.

"E esta é a confiança que temos nele, que, se pedirmos alguma coisa, segundo a sua vontade, ele nos ouve." (1João 5.14)

Se pedirmos conforme a vontade de Deus Ele nos ouve. E nisso, o "TUDO" não está incluso.

XII. Todos aqueles que propagam o Santo Rosário serão ajudados por mim em suas necessidades.

Será que Maria tem poder para ajudar a TODOS os que fazem isso no mundo inteiro?? Será que os católicos estão insinuando que ela seja onipotente como somente Deus pode ser??

Seremos ajudados por ela, ou ela intercederá a Deus para que Ele nos ajude?

Percebem a sutileza? Num momento, ela é somente intercessora. No outro, é quem ajuda e responde orações.

"
Ouve, Senhor, e tem misericórdia de mim; Senhor, sê tu o meu auxílio." (Salmo 30.10)

"De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas; mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos seräo acrescentadas." (Mateus 6.32-33)

Ah, se pelo menos os católicos seguissem os exemplos de homem tementes a Deus que estão na Bíblia em vez de darem ouvidos a baboseiras.

XIII. Eu consegui do Meu Filho Divino que todos os defensores do Rosário terão por intercessores toda a corte celestial durante a sua vida e na hora da morte.

Quem bom né? Todos os que estão no céu intercederão pelos defensores do Rosário?

Cirstãos verdadeiros já têm que interceda por Eles juntos a Deus, e esse alguém é o próprio Deus na pessoa de Jesus Cristo e no poder do Espírito Santo, habitando DENTRO de Seus verdadeiros filhos!

"Vós, porém, näo estais na carne, mas no Espírito, se é que o Espírito de Deus habita em vós. Mas, se alguém näo tem o Espírito de Cristo, esse tal näo é dele... E da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque näo sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis.  E aquele que examina os coraçöes sabe qual é a intençäo do Espírito; e é ele que segundo Deus intercede pelos santos." (Romanos 8.9, 26-27)

XIV.
Todos os que recitam o rosário são meus filhos, e os irmãos do meu único filho, Jesus Cristo.

Não somos irmãos de Cristo por meio de Maria nem da oração ao rosário. Somos irmãos de Cristo, filhos de Deus, porque Ele nos adotou no momento em que cremos e fomos unidos à Sua família, sem Maria, se rosário, sem ICR, nem nada que seja proveniente do homem!!

Veja esse sequência esmagadora de versículos...

"Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome; os quais näo nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus." (João 1.12-13)

"Em quem também vós estais, depois que ouvistes a palavra da verdade, o evangelho da vossa salvaçäo; e, tendo nele também crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa." (Efésios 1.13)

"Porque todos os que säo guiados pelo Espírito de Deus, esses säo filhos de Deus. Porque näo recebestes o espírito de escravidäo, para outra vez estardes em temor, mas recebestes o Espírito de adoçäo de filhos, pelo qual clamamos: Aba, Pai. O mesmo Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus." (Romanos 8.14-16)

Sendo assim, está biblicamente provado que não somos filhos de Deus por meio de Maria, mas sim por meio da fé no evangelho de Cristo!

XV. A devoção do rosário é um grande sinal de predestinação.

Sério mesmo? Não vou nem comentar.

Vamos ver os comentários católicos finais acerca da recitação do rosário. Preparem-se!

"Na verdade, St Louis de Montfort diz ainda mais fortemente que "um sinal infalível e inconfundpivel pelo qual nós podemos dintinguir um HEREGE, uma falsa doutrina do homem, um inimigo de Deus, de um dos verdadeiros amigos de Deus é que o pecador endurecido e herético não mostra outra coisa além de contenda e indiferença a Nossa Senhora" - (Verdadeira Devoção - Página 30)"

Ou seja, eu e você que não é católico, para eles, somos hereges, mesmo depois de mostrar biblicamente os erros gigantescos que existem nessas promessas de Maria aos fiéis à oração do rosário.

Por aqui já podemos perceber o quanto os católicos estão dispostos a fazer para defender sua doutrina em detrimento da Palavra de Deus.

Eu tenho um profundo respeito por aquela que veio a se tornar a mãe carnal do nosso Salvador Jesus Cristo. Mãe de sua natureza humana, mas não de sua natureza divina. Crer que Maria foi humilde, serva do Senhor, e também carente de um Salvador, como ela mesma reconheceu, é bíblico. Crer na Maria criado pelo catolicismo, não.

Posso até imaginar a tristeza de Maria ao ver como ela é exaltada, aqui na terra, à mesma altura daquele que a salvou.

Que Deus tenha misericórida deles!

E no site de onde tais afirmações foram tiradas existe uma nota de rodapé que diz:

"
Essas promessas significam que, por fidelidade e devoção a oração do Rosário, Nossa Senhora obterá para nós as graças necessárias para obter tais promessas. Porém, depende de cada indivíduo responder a essas graças, a fim de obter a salvação."

Nas 15 Promessas, temos a impressão de que somente rezando o terço os católicos obterão tais coisas (principalmente a de não passar pelo purgatório e a promessa XI:
"Você obterá tudo o que você pedir com a recitação do rosário"). Porém, esse comentário diz que não é assim bem assim.

Contraditório não? Além do mais, a pessoa precisa responder a essas graças a fim de obter salvação. Novamente, a pessoa "trabalha" para ser salva, e Deus não salva ninguém assim.

O erro está aí, para quem quiser ver.

É isso ai meus irmãos. Eu espero que eu tenha sido claro em minha refutação e que vocês tenham compreendido que não existem caminhos alternativos para se chegar a Deus além de Jesus Cristo e do Espírito Santo, que são Deus afinal de contas.

Eu gostaria de deixar um versículo para que vocês reflitam e respondam à seguinte pergunta em seus corações: será que o que vemos hoje no catolicismo é cumprimento desse texto?

"Porque virá tempo em que näo suportaräo a sä doutrina; mas, tendo comichäo nos ouvidos, amontoaräo para si doutores [MAGISTÉRIO] conforme as suas próprias concupiscências; e desviaräo os ouvidos da verdade, voltando às fábulas [RITUAIS MÍSTICOS e AMULETOS]." (2 Timóteo 4.3-4) - COMENTÁRIOS MEUS.

Que Deus abençoe a todos vocês!